SEGUIDORES

sexta-feira, 25 de maio de 2012

Maio, rosas minhas!














 Para ti
para mim
o meu jardim.
Neste maio
Assim!

Sobe o dia, para num êxtase meditativo, escutar
a voz vibrante da música das rosas de maio,
ressuscitadas em campos floridos e coroados
de saudades.
Sublime perfeição escrita nas pétalas da tua casa
onde emudeço o meu olhar, contornando pirâmides
em voos silenciosos.
Nasço com as manhãs presas ao capricho
do desvelo com que te revelas em cada botão virgem,
que guarda o segredo do deslumbramento,
numa humilde aguarela de revelação divina.
Os olhos emudecem quando o céu limpo
se alia à inefável voz das cores dos teus
vestidos de seda diáfana, desenrolando-se
em caprichosas espirais geométricas.
…..
E no prado do meu silêncio pinto o capricho das
tuas formas, beijando impotente a seda que não
consigo completar na aguarela do rosto dos
meus olhos.
Guardo a memória das metáforas indescritíveis
nas curvas labirínticas deste Eu intranquilo na
incapacidade da dor intransponível de delinear
a perfeição da tua imagem onde leio nevoeiros
de Infinito.
No deserto do mundo, rosa, o Universo escreveu
o Seu nome nas asas das tuas pétalas!

Manuela Barroso
Pintura: Universo na Natureza




30 comentários:

Leninha disse...

Manu querida,

A beleza do Universo está,realmente contida nas pétalas de tuas rosas...quedei-me,emudecida,perante o colorido,a suavidade e a ternura de teu poema e de teu jardim.
Obrigada por partilhar teu sonho e teu jardim,tua magia e tua sensibilidade.Esta surpresa enfeitou meu fim de semana.
Bjssssss,
Leninha

Francy´s Oliva disse...

Belissimo jardim e intensas palavras carissima.
tenhas um belo final de semana.

lis disse...

Oi Manu
É a Primavera em poesia e em êxtase!
são realmente sublimes, verdadeiras aquarelas.
Um ramalhete que nos oferece gentilmente e um poema que revela a beleza e grandeza do seu coração.
Obrigada , um abraço e bom sábado

Ange disse...

Minha amiga, vi lá no meu blog suas atualizações e vim correndo olhar!
Manoela, mas que show fizeste aqui em tua página! Lindo este jardim de Rosas!
Lindo Manoela suas imagens, adorei que finalmente você começou nos mostrar a beleza por aí...
Então minha amiga, eu também ando aproveitando estes feriados de Maio, para apreciar a beleza do Verde e da Natureza. Logo logo posto algumas imagens.
Lindo fim de semana para você. Cuide bem deste jardim!
Bjs.
Ange.

Nilson Barcelli disse...

Belas rosas, as tuas.
Tal como as palavras.
Manuela, querida amiga, tem um bom fim de semana.
Beijo.

Gracita disse...

Bom dia!
Que o seu amanhecer seja encantado. E o seu domingo seja mágico e feliz.
Maravilhoso! estou encantada
Beijokinhas
Gracita

Sandra Subtil disse...

"E no prado do meu silêncio pinto o capricho das
tuas formas, beijando impotente a seda que não
consigo completar na aguarela do rosto dos
meus olhos."

Maravilhoso!
Beijinho

Antonio Rubilar B. Valente disse...

Amiga Manuela!
Rosas fantásticas!Rosas rubras!Amarelas!Vermelhas!São rosas de sangue, de alma, de céu.São rosas, como rosas e rubras, ficam a face da mulher,quando digo,"te amo".Lindas fotos minha amiga!
Passei aqui para lhe convidar para visitar meu blog.Tem post novo e lá tem um caça-palavras e parece, se não me engano, eu vi,seu nome por lá.Confira!Um ótimo domingo, fique com Deus!Um bjo amigo, Rubi.

Olinda Melo disse...

Belas, maravilhosas rosas e, mais ainda, o seu poema que nos leva a viajar por jardins e metáforas numa revelação plena do Universo.

Um bom resto de domingo, cara Manuela.

Bj

Olinda

Fernando Santos (Chana) disse...

Belas fotografias...Belas palavras...Excelente post....
Cumprimentos

Smareis disse...

Olá minha grande e adorada amiga.

Passei pra sentir esse perfume de seu jardim e colori meu dia com o arco- iris de suas palavras , e matar minha sede dos seus versos. O Universo escreveu o Seu nome nas asas das tuas pétalas, porque suas rosas são lindas e vicosas como as manhã de um lindo dia.

Obrigada pelas Rosas, seu jardim perfume minha vida.

Beijos e ótima semana.

O Profeta disse...

Já esqueci, todas as palavras que queria ouvir
Todo os sentires por sentir
Já não sou protagonista de uma comédia de enganos
Sou apenas demiurgo de uma perversa cena de uma chegada sem partir

Sou uvas amargas do mês de Abril
Vinho de travo verde ao beber
Semente atirada ao meio das pedras
Olhos na bruma na inquietação do ver

Uma imensa e incontida força neste peito
Na alma uma cicatriz, qual estigma
Serei apenas um barco de papel à deriva!?
Ou como já alguém disse, um…Enigma…

Doce beijo

Lucinha disse...

Manu,

Fiquei super feliz ao ver seu comentário lá no meu jardim.
Nossa, seu jardim é um encanto! E ainda mais com lindos poemas.
Eu vi essas rosas lá na amiga Leninha. Ela merece!
Foi um grande prazer lhe conhecer.
Gostei tanto que acabei ficando. Rs
Beijos

SOL da Esteva disse...

Perfumas, de rosas, as tuas palavras. Isso é lindo e bom.
Lindo porque entra pelos olhos e bom porque penetram na Alma.

Beijos

SOL

Maria Alice Cerqueira disse...

Querida Amiga, hoje eu quero muito lhe agradecer a sua linda e carinhosa presença no meu cantinho! Meu carinho sempre.

Tem um selinho lá no meu cantinho, feito com muito carinho! Se gostar leve com você!

Abraço amigo!

Maria Alice

Luma Rosa disse...

Doce deleite sua poesia e as fotografias!!
"Os olhos emudecem quando o céu limpo
se alia à inefável voz das cores dos teus
vestidos de seda diáfana..."
Não há muito o que dizer, apenas deliciar com esse carinho de post!
Beijus,

Emília Pinto e Hermínia Lopes disse...

Lindas as tuas rosas de Maio, Manuela. Há-as de todas as espécies nos nossos jardins...é só querer vê-las; pequeninas de todas as cores, grandes e imponentes no seu colorido variado e aveludado de suas pétalas. Têm espinhos, mas mesmo assim podemos apreciá-las, cheirar o seu perfume e caminhar entre elas. Um arranhãozinho, que importância tem? Afinal tudo faz parte da vida...as rosas...o perfume...os espinhos, os arranhões e os perdões; afinal, a beleza é muita nestas flores maravilhosas com que nos presenteia a natureza.Há que perdoar os espinhos! Obrigada, Manuela pelas rosas e pelas palavras. Sempre belas...umas e outras. Fica bem, amiga! Beijinhos
Emília

Eloah disse...

Querida Manu, a natureza é pródiga de belezas e, as tuas rosas estão aí para distribuir todo o encanto que são capazes de presentear.
Como dizes lindamente o "Universo escreveu o Seu nome nas asas das tuas pétalas!
Amei teu jardim, neste maio, assim!
Bjs no coração Eloah

mfc disse...

As tuas lindas rosas voltaram de novo este ano!!
Que saudades!

ॐ Shirley ॐ disse...

Suas palavras são tão lindas quanto essas rosas. Manuela, um beijo!

Sonhadora disse...

Minha querida Manuela

Consegues sim pintar um quadro maravilhoso com pétalas de poesia...que são lembranças de Maio onde se guardam os últimos raios de sol...sorrisos de Primavera em gotas de orvalho da madrugada.
E...as tuas rosas são um beijo de Verão para adoçar a nostalgia.

Um beijinho de carinho e admiração
Sonhadora

Parole disse...

Nasço com as manhãs presas ao capricho...

Sua escrita é um mimo, Manuela e as rosas são lindas.Beijinho.

✿ chica disse...

Tuas rosas são lindas,Manuela e estamos acabando maio. Parece mentira,não?

Voando mais esse ano!

um beijo,tudo de bom,chica

Menina no Sotão disse...

Me perdi nas tuas rosas, tão belas e singelas. Cheias de detalhes e cores. Tão intensas quanto os teus versos...

bacio

Grazie por tão belos versos

silvioafonso disse...

.


Marquei um encontro seu
com o Palhaço Poeta pa-
ra amanhã, pode ser?
Escolha o horário e a-
proveite bem a sua visi-
ta; só não vale chorar.

Um beijo,

silvioafonso







.

Rui Pires - Olhar d'Ouro disse...

Desta vez, aproveito para dedicar mais atenção às flores,..rsrsrs as palavras estão excelentes, mas adorei as rosas, quase que entrava o perfume pelo ecrã dentro!!!
Bje bom fim de semana.

Lídia disse...

QUE LINDAS ROSAS!!!
TAMBÉM EU TENHO ALGUMAS, E É SEMPRE BOM GUARDAR OU MOSTRAR O QUE MUITO GOSTAMOS!!!
PARABÉNS PELAS ROSAS!!!
1 BEIJO PELA EVASÃO!!!

LÍDIA

rosa-branca disse...

Olá amiga, Belas palavras lindas as rosas desse jardim do encanto. Adorei. Bom fim de semana e beijos com carinho

Liz - Como as Cerejas da Minha Janela... disse...

Oh, que show de imagens ... divino...complementado por este poema belísssimo.
Só sinto ter chegado tão tarde...
Perdoe-me amiga doce e querida. Ainda correndo com os acúmulos da vida. Mas sei que me entenderás...

Mas eis que me encontro aqui, emocionada e encantada... e ainda mais por ter me ofertado tão belas rosas...sim, eu recebi o teu amor e o teu carinho... e as guardo aqui, no meu coração...

Um beijo grande e com todo carinho, Manu amada por mim...

MARIA DA FONTE disse...

Conseguiste transpor fielmente para o papel a beleza das ruas rosas. E olha que são esplêndidas. Beijinho grande, amiga.